#Resenha - Um Porto Seguro

12:51 PM


Título: Um Porto Seguro
Sub-titulo: Nos momentos mais difíceis, o amor é o único refúgio.
Autor: Nicholas Sparks
Editora: Novo Conceito
Ano: 2013
Nº Páginas: 414



Um porto seguro é mais um dos grandes sucessos do autor Nicholas Sparks. Um romance que do ponto critico é de tirar o folego. O romance conta a história de Erin, uma mulher que saiu da casa do marido alcoólatra  para se refugiar na cidadezinha de Southport. Nesta cidade Erin muda de nome e passa a se chamar Katie, e assim como o novo nome, ela espera recomeçar a vida longe de todos os abusos que sofria. Ela mora em uma de duas casinhas em uma rua de cascalho praticamente escondidas da cidade, algo vantajoso para Katie que quer esconder seu segredo. Com o passar do tempo a casa ao lado da de Katie é alugada por uma mulher chamada de Jo. As duas fazem amizade quase que instantaneamente e Jo é a primeira pessoa em Southport á qual Katie confiou seu segredo.
Alex é o dono de uma lojinha de mercadorias próximo a casa de Katie, e assim que se conhecem Alex desenvolve um interesse repentino por Katie, que mais tarde, começa a se interessar por ele também. Alex é viúvo e tem dois filhos, Josh e Kristen e principalmente a mais nova, Kristen, desenvolve um enorme afeto por Katie que mais tarde vai descobrir que tem que escolher entre viver uma vida segura de fugitiva ou se entregar para uma vida mais arriscada repleta de possibilidades... e nos momentos mais difíceis o amor é o único refugio.

Katie é uma mulher lutadora e determinada, ela foi muito engenhosa quando conseguiu fugir do marido Kevin que a espancava e menosprezava quando alcoolizado. Em Southport Katie começou uma nova vida, trabalhando de garçonete em um restaurante da cidade, conhecendo Jo sua nova vizinha que passou a se tornar sua melhor amiga, e se relacionando com Alex um viúvo com dois filhos dono de um estabelecimento na cidade. Sua nova vida a mantinha segura e salva, mas foi quando o relacionamento com Alex começou a se tornar mais sério que Katie se viu em uma encruzilhada: Seu passado a condenava a viver fadada para sempre a Kevin seu ainda marido. Aconselhada por sua amiga e psicologa Jo, e tendo a guarda de seu amado Alex, Katie começa a se sentir mais segura em sua nova vida, mas está segurança lhe custará sacrifícios que ela já temia. 
Um Porto Seguro é um romance esplendido que promete lhe surpreender nos últimos capítulos.
Cuidado este material pode conter spoilers.
Para deixar bem claro, embora minhas criticas profissionais tenham sido positivas sobre este livro, minha opinião pessoal sobre o mesmo é antagônica a isto. A história de Um Porto Seguro é realmente incrível. Se você pegar a história em si e resumi-lá como um todo verá que ela é espiritual e doce enquanto consegue ser realista e surpreendente ao mesmo tempo. Mas, Nicholas me decepcionou. Este é o segundo livro que eu leio do Nicholas Sparks, o primeiro é o tão conhecido best-seller, A Última Música, cujo qual me apaixonei perdidamente, no entanto, Um Porto Seguro esmagou minhas expectativas de mãos vazias.

Os personagens são maravilhosos, Erin é uma verdadeira lutadora e demonstra isto durante todo o enredo. Jo é engraçada e divertida e você pode perceber nas entrelinhas que é tão confiável quanto possível. Alex é um galã diferente, mas definitivamente apaixonante, pai solteiro ele é compreensivo e carinhoso, vai até o fim do mundo pelos filhos e isso faz com que ele seja tão fofo, ressaltando é claro que ele é altruísta e sincero, e acima de tudo é um verdadeiro porto seguro na vida tumultuada de Katie. 

O que me decepcionou no livro foi a narrativa. Estou acostumada com Nicholas escrevendo seus livros em 3ª pessoa, mas mesmo quando ele o fazia ele conseguia transmitir o sentimento de todos os personagens para o leitor e não foi o que aconteceu em Um porto seguro. Os personagens são incríveis, mas você não tem a oportunidade de se envolver com eles, ou de sentir o que eles sentem, na minha opinião o livro acabou se tornando algo superficial o que destruiu a história que prometia ser incrível. 
Eu não senti pena de Katie e nem admiração por ela, não senti a dor que ela sentia enquanto estava sendo espancada, não consegui nem mesmo sentir raiva de Kevin que espancava a mulher e bebia, não senti amor por Alex e Jo que deveria ter tido um envolvimento especial conosco para que no final realmente nos surpreendesse, acabou se tornando um papel secundário sem muito valor. 

Isso realmente me deixou triste porque o final que deveria ser inesperado acabou se tornando algo que eu já havia de certo modo premeditado. Jo é um papel esquecido durante boa parte do enredo e no final quando o inacreditável acontece Nicholas tenta resgata-lá e dar a ela uma importância que até antes não á pertencia. 

O enredo passa muito tempo parado e por ser um romance não há necessidade de julga-lo por isso. Mas toda a história que não tem ação, aventura, ou qualquer outra coisa acontecendo em determinado momento e se restringe apenas ao romance deve passar ao leitor os sentimentos, deve passar a sensação, cada detalhe é importante porque é o que define se o romance é bom ou não. Afinal, o que é um livro de romance sem sentimentos? E foi exatamente assim que me senti em relação ao livro. Não senti amor entre Alex e Katie, não senti nada entre eles, talvez um pouco da parte de Alex, para ser justa com o livro. Infelizmente não tive capacidade de captar sentimentos da parte de nenhum deles, o irônico é que o personagem que mais me passou emoções foi Kevin o antagonista da história. Ele deveria me fazer sentir com nojo dele, mas eu acabei sentindo pena. Isso é algo que não deveria acontecer no final das contas afinal Kevin espancava a mulher, ninguém que comete um ato deste merece piedade, porém Nicholas fez com que assim me sentisse.

Muitas pessoas gostam deste livro e sinceramente eu espero que se você tinha em seus planos fazer a leitura do mesmo não desista por causa da minha critica. Necessariamente está é a minha opinião e é lógico que a leitura é interpretada de várias maneiras diferentes. Talvez ele se torne seu livro favorito, como é o de uma das minhas amigas, mas ele pessoalmente não me agradou. Expectativas destruídas eu diria.

Está foi a resenha de Um porto seguro de Nicholas Sparks, espero que tenham gostado. Cometem o que acharam do livro e me digam se concordam ou não com a minha opinião.

● Sem xingamentos ou ofensas, por favor. Artigos de opinião devem ser respeitados   

You Might Also Like

0 Comentários

Muito obrigada pelo seu comentário!

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images